CRUEL

Cruel é uma série aberta de elementos narrativos que só se completa com o olhar do espectador. Corpos em movimento que exigem a decifração, um novo jogo entre o Acaso

e a Necessidade. Histórias ordinárias, daquelas que se repetem no cotidiano das pessoas, laços que atam

e desatam. Histórias quase sempre cruéis.

 

Numa construção coletiva, que durou cerca de um ano

e meio, novos elementos foram incorporados ao trabalho

– como um texto de Fausto Fawcett e uma história escrita por Fernando Muniz. “Todas as colaborações acabaram servindo como munição nesse processo criativo, sendo absorvidas através da dança e criando uma costura nas situações que se apresentam”, conta Deborah. “Mas o que se verá não é novela, não é teatro. É dança”, pontua

a coreógrafa.

Criação, Coreografia e Direção DEBORAH COLKER

Direção Executiva JOÃO ELIAS

 

Direção Musical BERNA CEPPAS
Cenografia e Direção de Arte GRINGO CARDIA
Figurinos SAMUEL CIRNANSCK
Iluminação JORGINHO DE CARVALHO

 

Estreia 24 de abril de 2008, Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Duração 63 mimutos

CONTATO
/ CONTACT US
WEB Opus NÓ_Natal-11.png